1 de mar de 2011


Ela está ali! Na linha que divide a razão e a emoção. Está onde sempre quis estar, e vai subindo infinitamente. Teve a sorte de poucos, daqueles muito poucos que tem uma certeza no coração e que devem buscar a todo custo, pois lá mora a realização do sonho. Não é daqueles sonhos do tipo que se pede para o gênio de uma lâmpada, pois esses acabam no vazio quando conquistados, eles perdem seu sentido. E sim aquele que a gente pede pra ter ainda mais o que construir, ainda mais o que trabalhar, porque o processo e a viagem são muito maiores do que qualquer resultado. A certeza? Um calor que faz com que perca os sentidos toda vez que pensa na mínima possibilidade de tê-la. E para ela nunca foi necessário mais que isso pra se perceber que a vida acabou de começar.
Toda a minha inspiração pra vc!

Nenhum comentário:

Postar um comentário